PSOL entrará com ação contra a nomeação de Solange Almeida.

Mesmo diante da maior crise político-financeira e institucional da História do Estado do Rio de Janeiro, Pezão, provavelmente cedendo à chantagem de Eduardo Cunha, não só criou a Secretária Estadual de Proteção e Apoio à Mulher e ao Idoso, como nomeou Solange Almeida, ré na Lava Jato junto com Cunha no processo em que Cunha é acusado de receber U$ 5 milhões em propina num contrato de aluguel de Navios-Sonda à Petrobrás.

A nomeação constitui-se em obstrução de justiça, retirando seu julgamento da competência de um juiz e lhe garantindo Foro Privilegiado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*